”A tempera de uma alma é dimensionada na razão direta do teor de poesia que ela encerra” (Horácio Quiroga)

quarta-feira, 9 de março de 2016

Pertinaz

Se considerássemos profundamente
              Todas as nossas possibilidades,
Perceberíamos muito claramente
              Que o estimado como  impossível,
Nasce, em certa medida, do não persistir.

Nenhum comentário:

Postar um comentário